Revestimentos de Pavimento

Este documento estabelece o enquadramento que possibilita às organizações o desenvolvimento de estudos/documentos sobre o desempenho ambiental de produtos para revestimento de pavimentos, através da Avaliação do Ciclo de Vida (ACV) e ainda a comunicação desse desempenho através de Declarações Ambientais de Produto Tipo III (DAP).

A categoria de produto “revestimentos de pavimento” inclui todos os produtos com função de revestimento de um piso. Com o revestimento de pavimentos obtêm-se superfícies planas, duras e decorativas, que não só permitem a acessibilidade ao espaço como também conferem a resistência ao desgaste, e simultaneamente um agradável aspeto de acabamento, a nível estético. A escolha e o tipo de revestimento para pavimento varia em função do tipo de ocupação previsto para o local de instalação, devendo respeitar algumas exigências tais como habitabilidade, conforto, segurança e durabilidade.

Os revestimentos de pavimento ou de piso podem classificar-se de acordo com o enumerado:

  • Executados in situ (argamassas autonivelantes, betumes, resinas epóxidas, etc.);
  • Manufaturados (alcatifas, mosaicos cerâmicos, pedra, madeira);
  • Tradicionais (madeira, cerâmicos, pedra natural);
  • Não tradicionais (linóleo, vinílicos, borracha, ladrilhos de cortiça, etc.);
  • Ou por tipo de materiais (lenhosos, cerâmicos, pétreos, hidrocarbonados, têxteis, orgânicos, etc.).
nome Revestimentos de Pavimento
data e número de registo 10/02/2014 | RCP001:2014
versão Nova
COORDENADOR(ES) RCP Luís Arroja | arroja@ua.pt
Marisa Almeida | marisa@ctcv.pt
autor(es) Ana Cláudia Dias
Luís Arroja
Marisa Almeida
painel sectorial

RMC - Revestimentos de Mármores Compactos, SA
Dominó - Indústrias Cerâmicas, SA
Sonae Indústrias, SGPS
APICER - Associação Portuguesa da Indústria de Cerâmica

período de consulta 01/08/2013 a 30/11/2013
válido até 31/12/2019
instruções gerais - versão V.1.0. Edição Fevereiro 2014
descarregar documento download.pdf download icon
RCP Revestimentos de pavimento versao v1.0 fev2014.pdf.page 1